Editora Zamoner - Genesis

Horário de atendimento

De segunda a sexta-feira das 08:00 as 11:00 e das 14:00 as 17:00


Gêneros dos textos
Infantil113
Artigos294
Ensaios60
Contos472
Crônicas415
Poesias1498
Resenhas56
Entrevistas24
Pensamentos312


Mais visitados
CRÔNICA, CONTO, ROMANCE, NOVELA...14060
M I N H A M ã E2916
B E I J A - F L O R2654
Cotas: uma forma de reparo social1820
Ela:Tornando-se primeiro pronome.1619


Mais recentes
CHUVA DE JANEIRO27/01/2021
OLHAR DE ANASTÁCIA26/01/2021
SONETO DE UM MENINO13/12/2020
Primavera22/09/2020
O Código de Ética de Psicologia e a Prática do Psicólogo nas Organizações10/08/2020

Lançamentos




  • DEUS EX-MACHINA

    Gostaria de falar não dum recurso técnico de última hora, ou de mágica inexplicável do computador. Mas sim, de um “Deus que desce por meio de uma máquina”, amorfo, subentendido, perversamente escondido em todas as frases, sons e imagens da violência atual. Tenho me encontrado com um certo “DEUS EX-MACHINA” com freqüência, embora o tente repeli-lo, ele tem insurgido insistentemente em quase tudo que leio, assisto e vejo. É possível demonstrar sua presença atualmente em mais de 80% do que se escreve, filma ou televisiona. Fica difícil explicar à luz da lógica, esta capacidade milagrosa dos “mocinhos”, “heróis” atuais de escaparem ilesos das cenas violentas a que são submetidos. São “Imagens”, “Sons” e “Letras”, que surgem não sei donde;... (leia mais)


    Gilmacedo

  • A INDISPENSÁVEL FORMAÇÃO DO ESCRITOR

    "Por força de nossa tarefa diária como editor da Editora Protexto, nos deparamos com centenas de escritores ansiosos por terem seus textos avaliados e desejosos de publicarem suas obras. Tarefa árdua a nossa, pois termina sempre numa sucessão de negativas frustrantes. "Ao contrário do que muitos pensam, o primeiro passo para se tornar um escritor não é a publicação de um livro, mas sim, a busca de sua formação para encarar a tarefa de escrever com profissionalismo. "Durante alguns anos ministrei um Curso de Escritores através da Casa do Escritor que infelizmente foi desativada. O Curso que era feito pela Internet e o atendimento, personalizado. "Após quase dois anos de existência,... (leia mais)


    Airo Zamoner

  • Mãe... nhe! Engoliram o papai!!

    – Com Deus me deito, com Deus me levanto... “Eu SEI que é ele que está lá... Fica lá, só me olhando...” – Com a graça de Deus e do Divino Espírito Santo. “ Por que ele num vai embora?...” – Ave Maria cheia de graça... “Mamãe não tinha nada de mudar pra essa casa cheia de fantasmas... João fica dizendo que eu sou medroso, que fantasma não existe... Não existe uma ova... E aquele alí?” – O Senhor é convosco... “Como é que na outra casa eu não via nada? Essa casa é mal-assombrada, sim senhor... Ai, meu Deus, olha ele lá outra vez... Me olhando com aqueles olhos sem cara...” – Rogai por nós pecadores... “Vou tampar o rosto...” – Agora e na hora... “Tou escutando uns passos... É ele que... (leia mais)


    Isis Berlinck Renault

  • Encerra-se a primeira turma de pós-graduação em dança de salão com magnífica produção científica.

    Para a dança de salão brasileira, o ano de 2005 é um divisor de águas. A partir desta data, começa a educação formal na área, o que se deve à abertura da primeira turma de pós-graduação em dança de salão, na Faculdade Metropolitana de Curitiba - FAMEC. O curso tem duas coordenadoras, uma das quais, conhecida por fazer parte do âmbito da dança há muito tempo: Gracinha Araújo. Devido a uma vida dedicada à dança clássica, enfrentou os preconceitos vigentes no meio da dança de salão, superando as dificuldades. Com Abigail Carneiro, tornou realidade, de maneira pioneira, o que muitos só sonharam. O resultado... (leia mais)


    Maristela Zamoner

  • REBELDIA

    - Espere aí! Você não está querendo dizer que o que me falta é rebeldia, está? - Estou! - Isso é inacreditável! Tive uma vida regrada. Tudo certinho no lugar. Me formei, fiz mestrado, doutorado, pós-doutorado e trabalho diuturnamente em pesquisas vitais para a humanidade... Não sou estúpido pra jogar tudo isso pro alto! - Estou tentando ajudar a explicar essa sua sensação... Você está aqui agora, em pleno horário de expediente, sentado comigo neste banco público... Por quê? - Já disse antes! Não me sinto bem! - E o médico? - Não é coisa de médico... - Então, voltamos ao início. Vou falar agora com todas as... (leia mais)


    Airo Zamoner




CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.