Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Ilza Maria Saldanha Ribeiro






Alerta ao coração

Ilza Saldanha Vai-se o tempo em passos lentos,não há nada em seu caminhoque o interrompa de andar.Leva consigo uma bagagem imensaMas deixa outro tempo em seu lugar. Vai-se o tempo...Carrega tudo ou deixa marcas impossíveis de se apagar,fica a históriaabarrotada de vultos que outroraainda contribuem fazendo a horada contemporaneidade que aflora. Vai-se o tempo contemporâneoem pasos rápidos,transforma o hoje no ontem,o amanhã no agorae as lembranças estacionam na memória. Vai-se o tempo...A consciência colca-se em posição presente,a saudade bate à portacom marteladas de emoção repercutemcomo uma alerta  ao coração: Vai-se o tempo...Vai-se a vida...Fica o tempo...Fica a vida...Cada tempo no seu tempo,cada vida... é uma única vida.

(Oliveira dos Brejinhos,31/07/2009)

 

Tempo de carregamento:0,04