Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Marilena Orsoni






PERDAS E GANHOS - Crônica sobre o livro de: LYA LUFT

Escrever sobre as obras de Lya Luft não é difícil. Ela aborda temas que não envelhecem e  que fazem parte da vida de todas as mulheres deste Planeta.

Lya é uma mulher que não tem medo de pensar e analisar seu passado. Ela os encara e não se envergonha de suas fraquezas e desilusões.

Segundo o que escreveu em "Perdas e Ganhos", ela confirma que  tudo o que escreveu, nasceu do seu próprio amadurecimento, um trajeto de altos e baixos, pontos luminosos e zonas sombrias. Escreve que nesse curso, entendeu que a vida não tece apenas em teias de perdas mas, nos proporciona uma sucessão de valiosos ganhos.

Acho isso uma verdade. Em nossas vidas perdemos coisas, porém, ganhamos muitas outras, principalmente experiências que nos torna mulheres mais prontas para o dia de amanhã, para o difícil  ato de envelhecer. Experiências essas que nos ajudará passar por todas as fases de nossa vida com muito mais determinação e posicionamento, sem fugirmos da realidade que nos mostram os espelhos.

Lendo esse livro, percebi o quanto estava enganada com a vida. Ela parecia dura e inimiga mas, a medida que fui lendo a obra dessa mulher fabulosa - que teve a coragem de explanar filosoficamente todo o ocorrido em sua vida - cheguei a conclusão que estava errada no meu julgamento, para com a minha vida. Havia dentro dela muitos pontos positivos.

Havia, também, os pontos  negativos mas parei para pensar e cheguei a conclusão de que, eles, me ensinaram muitas coisas que hoje eu entendo, e os transformo de negativos para positivos. Hoje, sou uma pessoa muito melhor depois deles.

Lya Luft me fez ver que, o horizonte não está tão longe assim de ser alcançado. Me ensinou, também,  que o meu céu está bem próximo de ser tocado. E, se dermos a outra face do nosso rosto, temos que estar preparados para sentir a mesma dor por duas vezes. Mas o resultado de nosso ato será premiado pela vida com um perfume balsâmico. 

Ensinou-me que o nosso lar define o que poderemos ser e que, os nossos pensamentos é o combustível que nos impulsionará para cima ou para baixo. Tudo vai depender se vamos conduzí-los com otimismo ou com pessimismo. Vai depender do que fomos constituído.

Nosso passado é nosso espelho, e ele pode refletir o nosso oposto a tudo aquilo que não gostamos que os outros vejam, onde não temos máscaras, porque, nos vemos através de um Raios X.  Nos vemos pelo avesso.

Nossa alma pde refletir-se cheia de um lindo azul ou então um céu cinzento e carregado, anunciando uma breve tempestade. Tudo vai depender onde queremos chegar e  se queremos viver o dia de segunda-feira  ou vamos querer viver o domingo.

A escolha e a decisão sempre será nossa.


Tempo de carregamento:0,04