Tânia Gabrielli-Pohlmann






Anthologie...

Obra: „Anthologie de la Poésie Romantique Brésillienne » - Bilingüe (Port. / Fr.)
Poemas escolhidos por Izabel Patriota P. Carneiro, apresentados por Didier Lamaison e prefaciados por Alexei Bueno
Versão francesa: Adrienne Álvares de Azevedo Macedo, Didier Lamaison e Cécile Tricoire
Editoras: UNESCO PUBLISHING / EULINA CARVALHO
Formato: 14 x 21cm
Páginas: 257
Preço: 27,45 €
2002, ISBN: 92-3-003786-9

Na década consecutiva à da Independência obtida em 1822, chega ao Brasil a revolução das sensibilidades que já soprava sobre a Europa após o início do século. O Romantismo brasileiro aparece com a publicação, em Paris, de “Suspiros Poéticos e Saudades”, de Gonçalves de Magalhães, em 1836.

Mas é com Gonçalves Dias que nasce verdadeiramente a grande poesia brasileira, notadamente com a publicação, em 1848, de “Canção do Exílio”, cuja notoriedade o eleva à posição de símbolo nacional.

Esta Obra apresenta poetas como Álvares de Azevedo, que sob a influência de Byron e de Musset introduz o spleen no exacerbante de uma maneira assustadora, como no célebre “Noite da Taberna”. Casimiro de Abreu produz uma poesia popular cuja musicalidade e despojamento o definem como um dos poetas mais prezados pelo público brasileiro. Fagundes Varela, autor de “Cantiga do Calvário”, elegia considerada como a maior de toda a língua portuguesa, apresenta todas as características do Romantismo, sendo considerado um dos poetas mais intensamente engajados contra a escravatura.

Através desta Antologia, os poetas mais célebres do Romantismo brasileiro possibilitam o descobrimento e a aproximação do âmago desse povo, cuja sensibilidade particular encontra neste gênero literário a expressão ideal.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.