Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Marilena Orsoni






TEMPOS DE CRIANÇA

Hoje,  eu acordei
Com uma vontade diferente:
Vontade de voltar ao tempo
Ao  meu tempo de criança.

Quero ver novamente o antigo azul do céu
O verde do gramado sem agrotóxico
Sentir o gosto do leite servido
No parque onde aprendi
As primeiras letras do alfabeto.

Quero novamente poder brincar nas ruas
Nas ruas de terra batida
Onde os carros ainda não trafegavam
Somente as carroças  vendendo verduras
E  as carriolas dos verdureiros conhecidos

As crianças desse meu tempo
Podiam brincar sem medo ou sustos
Por toda parte que desejavam

As meninas do meu tempo de criança,
Brincavam de casinha, amarelinha
Passa-anel, boca-de-forno, e de bola-atrás
Faziam batizado de suas bonecas
E pulavam cordas simples, ou duplicadas.

Quero voltar aquele tempo
Das gostosas brincadeiras do meninos
Brincavam de esconde-esconde
Bafo, bicicletas e triciclos,
Sem falar dos carrinhos de rolimãs

Brincavam de empinar papagaios
Feitos de folhas de jornal dobradas
Hoje não mais são feitos ou chamados assim
Hoje são feitos de papel de seda
E seu nome mudou para  pipas.
Pipas de todas as formas e cores.

As brincadeiras eram sadias
O respeito era exigido
E exercitado por toda a vizinhança.

Quero voltar ao tempo
Que toda a vizinhança se conhecia
E se respeitava
Um fio da barba de meu avô Francesco
Valia mais que qualquer papel assinado.


Quero voltar ao tempo
Onde se comprava frutas nas quitandas
Eram frutas frescas e madurinhas
E seus preços sempre justos

Marcava-se aquilo se comprava
Nas famosas cadernetas
Onde não se acrescentava nenhum vintem a mais
Não era preciso duvidar do quitandeiro.

Família era família
Família era coisa sagrada
A benção aos paes, avós, e tios,
Eram pedidas
E as crianças por todos
Eram abençoadas.

A coletividade ajudava-se  mutuamente
E a união fazia todos prosperar
Transformando o dia-dia das família
Em dias onde se podia sonhar
 Com um lugarzinho seguro
Com um lugarzinho ao sol.
Bons tempos foram aqueles!
 


Tempo de carregamento:0,04