Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Arlete Meggiolaro






Amar Você

Amar Você

O sopro divino em minha modelagem corpórea,

fez-se o Amor.

O fermento etéreo o leva a erupção.

Sonho e contemplação.

 

 

 

         Amar Você...

chispam das minhas crateras lavas ferventes.

Amor ardente - fascínio eloqüente.

 

 

 

         Amar Você...

expelem meus cristalinos jubilosos estilhaços,

cintilam como estrelas no espaço.

Você é  meu universo

em prosa e em verso.

 

 

 

         Amar Você...

desprende da minh'alma

vertiginosa cascata de ternura.

Sinfonia da brandura,

do querer ter,

sem conter.

 

 

 

 

Amar você...

sinto-me alada, flutuo na imensidão do sopro divino.

Eternizo-me no amor infinito.

 

© Arlete Meggiolaro

Formatado:  WWW.ORVALHODAALMA.COM.BR

http://www.orvalhodaalma.com.br/modules/textos/item.php?itemid=4


Tempo de carregamento:0,04