Lidiele Moura






Canção Emudecida

"Perfume adocicado em milhões de sinfonias. Canção negligenciada pela tristeza de um coração partido. E eu grito e eu choro, como se o infinito fosse feito de dor e desespero. Sem ninguém. Só alguém. Vem até mim, e eu me acalmo. Como uma tempestade que morre no mar, como o entardecer calmo que se acolhe na noite..." 

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.