Luiz Donizetti Chaves dos Santos






DONA GALINHA E SEU GAMBA

Esta é uma estorinha de uma galinha feia, tão feia que no conseguia se casar.
Todos os dias a Dona Galinha colocava musiquinha e ia dançar na varandinha.
Ela acompanhava o ritmo da musiquinha, abria as asas, saltava e rodopiava.
A bicharada que passava em frente de sua casa desviava o olhar para no ver aquela coisa feia dançar.
Dona Galinha já preocupada colocou um anúcio na rádio.
“Galinha morena, alta, bonita e carinhosa, procura companhia”.
Já passado alguns dias, ainda continuava a mesma rotina Dona Galinha estava sozinha.
Um gambá, muito faminto, aproveitou aquele aviso e fez um plano diabólico para jantar a Dona Galinha.
Seu Gambá se ofereceu como marido, pondo seu plano em ação. Dona Galinha, não tendo opção e, não sabendo que seria refeição, aceitou a uniâo.
Seu Gambá num abraço já com as garras afiadas, pronto para jantar Dona Galinha, teve uma decepção: Dona Galinha além de feia, era magra de dar dó, só tinha osso e pena.
Seu Gambá, desanimado, chorou... Chorou sem parar.
Como ele tinha prometido, teve que se casar.
Está muito arrependido, e seu castigo é morar com a galinha mais feia do reino animal.
Dona Galinha está feliz, agora tem marido, apesar de ser fedido, ele um belo de um gamba.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.