Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Marlene Santos






PERERECA LEVADA DA BRECA.

 A Perereca levada da breca.
Passava a noite a traquinar
Pulando daqui e dali
Sem deixa ninguém dormir.
A Perereca sofria de insônia
Não conseguia adormecer
Passava a noite inteirinha
Procurando o que fazer.
Com esse comportamento
Ela incomodava os companheiros
Que trabalhavam o dia inteiro.
E a noite não podiam descansar.
Por isso um dia foi sequestrada
E jogada no fundo do mar.
Quem sequestrou a perereca
Ninguém sabe ninguém viu.
Também o que ninguém sabia
Era que ela escapou do mar
E se escondeu na beira do rio.
E em algum lugar
Não muito distante dali
Ela continuava a sua sina.
Pulando daqui e dali
Sem deixar ninguém dormir.

Tempo de carregamento:0,03