Viator de Campos






parque birigui

 e como as pessoas com cachinhos na cachola e os pássaros e como as capivaras e os coelhos de buracos e as bicicletas e os patins e o cachorrinho ao sol de domingo e como a terra em volta e os átomos como os elétrons rodeando os prótons e os nêutrons como a terra e o sol e a galáxia e um buraco negro e como os cientistas com seus buracos brancos num quadro negro como números e fórmulas possíveis e impossíveis como as capivaras e as pessoas de cabelos de poinhonhoim e os passarinhos e os coelhinhos de um buraco ... avesso...  branco em preto como as palavras e  como as sentenças não dizem nada além de sentenças e palavras que podem ser contadas e somadas como as fórmulas e como os números num quadro negro pelos cientistas que acreditam no valor de verdade de um buraco branco possível e impossível e preto como um cachorro que também existe como os sapos e como os príncipes e como os gigantes e moinhos são como um cata ventos que gira... como toda a coisa... como todo o tempo... nas mãos...?

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.