Luiz C. Lessa Alves






ALEGRIA DE POBRE

ALEGRIA DE POBRE
 
Domingo, segunda e terça;
Como são alegres esses três dias!
Quando chega fevereiro,
O povo despreza a melancolia.
 
Segunda-feira é considerada, 
Pelo trabalhador, o dia mais chato.
Mas, no mês de fevereiro,
É o segundo mais festejado.
 
Domingo, segunda e terça,
Tudo é festa, é fantasia!
Mas, logo depois, vem a quarta- feira,
Trazendo cinzas e nostalgia.
 
E ali, incinera-se a felicidade
De toda nação brasileira,
O que faz lembrar o velho ditado:
 “Alegria de pobre é passageira”.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.