Raimundo Costa Lira Filho






FODA LOUCA

Mamando em tuas "mametas"
Descendo a tua calcinha
Faço de tu, mulher minha
Chupando tua "buceta"

Puxando em teus cabelos
Passando os dedos em tu
Metendo o pau no teu cu
Chega a doer meus pentelhos

Tu gritas como uma louca
E eu beijo, então, tua boca
Para ver se tu te comportas

Mas adianta é "porra"
Gritas feito uma cachorra
Celada, das pernas tortas

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.