Alvaro Luiz Carvalho da Cunha






Aborto

Estou chegando...
só estou no pensamento.
Não falo, não gesticulo, não ouço e não vejo.


Estou chegando para existir e ficar.
Só peço uma coisa:
me deixem viver ,
não me tirem do meu caminho.


Sinto algo estranho... sinto algo me tocar...
vem vindo uma pressão muito forte,
que pena !
É um aborto.
Me despedacei...


Não há mais chance !
O que eu pedi foi inútil.
O que eu tenho a dizer é :
Obrigado pela atenção de vocês, papai e mamãe,
agora o que peço é :
Não façam isso com os meus irmãozinhos, eles também querem um dia nascer...

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.