Lendores dos Anjos Soares






O som da lira

Modulando a harpa dos poemas,
Ouço cantos que me deliciam
E o som que me inspira
É como ouvir o som de uma lira;

E sonhos lindos despertando vão
E as lágrimas dos olhos caem,
Mas são momentos de alegria,
Traduzindo estão a poesia;

Encantada nessas horas estou,
Minh´alma sentindo alegria
Ao ouvir o canto que me delicia;

Espero sentir-me sempre assim,
Ouvir a lira modulando hinos,
Sentindo aqueles sons divinos.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.