bras domingues de oliveira






Prosaísmos

Não busca a inocência dos seres nem tampouco a calmaria das narrativas que se resolvem.Tem apenas umas imagens colecionáveis e uns dicursos pela metade.Enfim, busca uma soleira para descançar e um possível copo de água fresca que revelem a memória de algum lugar.Fez as ultimas contas da viagem e resolveu se esquecer dos números.A poeira do sapato não bateu.Em mangas de camisa enfrentou o inverno costumeiro.Dos amores, uns casos sem importância.Das paixões, a quase explosão dos sentidos.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.