Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Marisa Santos






FERA FERIDA

Enquanto me calei
Sofri 
Os horrores
As dores
E amarguras
Engoli o choro
Roí unhas..
Dedos
Artelhos
Anelos...
E agulhas..
Espetei-me
Sangrei-me
E a cada dia
Morri um pouco
Enfim...
Cansei-me!
Soltei a fera
Ferida 
Enjaulada 
Em meu peito
Acelerei na garganta
Arranhei-me por inteira
Mordi os lábios
Sangrei...
E a fera
Pronta a devorar-me
Retrocede sua ira
Em mim envolta
Vomito-a
Em teu ser
E a fera
Que me consumia 
Por inteiro
Agora te devora!
E não mais sofro.

                                (Drevra Hadarah)
 


Tempo de carregamento:0,04