Mauro Evaristo






Invertido.

com este poema invertido!
mas sei que experiência mais eu ganho
e também não estou perdido,
Não há nada de estranho

no meu perfume de flor!
contudo sempre estará
o jeito deste estranho amor,
Você um dia saberá
sabendo até por que se é feliz!
pois amar é sim bem viver,
o apoio para seguir,
Espero encontrar em você

o sentimento que não morre!
aguardo taciturno e calado
onde até o ar não se move,
Deste domingo parado

e é certo que alguém vai perceber!
mas criar é também variar
caso não possa entender
Não queira me julgar

pode lhe parecer sem sentido!
também a estrutura do dilema
que tem o olhar invertido
Assim como o poema

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.