zaymon zarondy






ANA

Saudades... Ana.
Ana que saudade
Que saudade insana
É essa que deixou?
Por que quando fostes
Não a levou contigo
E agora eu não consigo
Sair do lugar
Respirar um novo ar
Racionalizar a dor
Equalizar quem sou
E o que sou sem Ana
Que ao partir deixou
Aos gritos
Um coração partido
Impedido de voar
E planar e planar.
 

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.