Lucia de Fatima Guedes de Lima






O LIVRE FLUXO DO PENSAMENTO!

 O pensamento se faz massa de modelar o mundo
Ele é o próprio veiculo de consciência e vontades...
Ele move-se na velocidade de suas “asas infrenes”
 
Sobrevoa todas as fronteiras das ilusões
Transforma-se em sonhos...
Volta a ser raiz, razão no mergulho da realidade.
 
Torna-se grande, mágico e iluminado, quando desvenda à sabedoria.
Inebria-se de pequenez, quando se desconhece mesquinho
Estagnado na própria obscuridade.
 
Sabe-se absoluto e liberto...
Vagueia em voltas, ziguezagueando em avante e retrocessos
Vai do presente ao passado num piscar da imaginação do tempo.
 
Decompõe-se em partes e viaja de seu mundinho particular,
 ao universo geral de suas primícias...
O curso de seus caminhos é sua própria razão
 
 Convicto, nada o detém, nem seu lado inquisidor
Seu instinto que impede, puni, manifesta repressão
 È desprendido, solto, servil do próprio servo
 
 
Inato, pode ser lento ou saltitante, porém nunca vazio
Mas, quando inquieto de sua ilimitada diretriz, habita meu corpo...
Reconhece nele, a sua necessidade de linguagem.
 
Lufague.
 
 
 
 
 

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.