Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Mauro Evaristo






Cisne Negro.

Um bêbado fedendo numa cama,
Uma televisão ligada...
Vou levando o meu drama
Aos tapas e bofetadas!

Uma menina inteligente
Fazendo perguntas bestas,
E é ainda superinsistente,
Talvez este castigo eu mereça!

Uma garrafa de vinho
E a vida seguindo lá fora,
Enquanto que aqui sozinho
Não vejo o tempo indo embora!

A lua de hoje é azul,
Igual aos olhos dela.
Enquanto na América do Sul
Fazem tributos a Mandela!

O músico que tocava
Sempre feliz no cisne negro,
Disse que ela me amava
E tinha por mim sensuais desejos!

Uma televisão ligada,
Um bêbado fedendo numa cama.
Aos tapas e bofetadas
Vou levando o meu drama!


Tempo de carregamento:0,04