Joseh Ribas






CENTELHA

Não posso regatear
O preço da minha loucura

Não posso suprimir
O espasmo da minha tontura

Sou sal como o mar
Que adoça o arrebol

Sutil como os tentáculos
Que dançam no lençol

A centelha que me fulmina
Sem extinguir

É luz que ilumina
O sol de me existir.

CopyRight © Cepedê Sistemas & WebSites - Comércio eletrônico.