Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Mary Santana






Ética e a dança de Salão

Ética e a Dança de Salão
A dança de salão expressa cultura e vem sendo cada vez mais procurada, sendo também uma dança social onde existem respeito, e regras de comportamento.
 
Para Robert Solomon um consultor em ética empresarial, quem tem ética pensa excessivamente sobre si mesmo encontrando “força para acreditar, dar créditos aos outros quando se faz necessário”. Ele usa como exemplo de grande valor Juscelino Kubitschek como um homem autêntico, aberto que sempre ouvia aqueles que até ele chegavam para conversar. Sendo assim auditivo que recebia novas informações incorporando-as de forma permanente. Sempre agradecia, ouvia seus adversários às vezes com opiniões discordantes. JK não possuía preconceitos ideológicos e tinha diálogo democrático. Para Salomon humildade é força e nunca fraqueza. Ética caminha com humildade e o professor quando “pratica ser humilde” se abre mentalmente admitindo equívocos, inadequações, sem sentir-se diminuído diante de seus alunos, à escola, da academia e dos colegas de trabalho.
 
Podemos afirmar que humildade, ética e dignidade caminham juntas, pois humildade cria a dignidade qualificando o indivíduo, oportunizando virtudes e grandezas. As pessoas, os professores que são éticos possuem humildade e buscam o equilíbrio entre as tendências opostas.
 
Na dança de salão existe a preocupação com a ética por parte de bons profissionais que amam o que faz e se dedicam muito. Cada indivíduo tem seu jeito de ser, agir e pensar. O conteúdo pode ser o mesmo, existindo diferenças na forma de transmitir tais conteúdos. Ensiná-los dentro de dinâmicas unindo técnica e lúdico, sendo competente, ético e humilde para com seus alunos.
                  Cito como exemplo Cristóvão Christianis e Kelson Costa. Excelentes profissionais da dança de salão; éticos, humildes e completamente diferentes em seus estilos de trabalharem. Formados pelo mesmo professor Jaime Aroxa pelo estado do Rio de Janeiro. Mesmo respeitando e trabalhando com filosofia adquirida com o Mestre Jaime Aroxa cada um traz consigo um estilo próprio de trabalhar com a dança de salão, principalmente Kelson Costa com seu jeito arrojado e bem humorado, procura sempre levar o aluno a buscar o que para ele (aluno) parece ser utopia, levando-o a se descobrir, vencer seus limites e acreditando sempre em sua capacidade. No entanto Kelson deixa nítido para seus alunos que é preciso treinar muito e querer mudar. Dono de uma contagiante simplicidade, sua fala expressa veracidade e em doses “homeopáticas” consegue fazer com que seus alunos se sintam seguros sem medo de errar, de se divertir sem perder o foco, que é dançar bem mediante ao objetivo que cada um foi buscar ao procurar a dança.
 
O que me chama a atenção no Mestre Kelson Costa é o fato dele não obter em seus lábios palavras “idílicas” que façam os alunos suspirarem em elogios, ele mostra o errado sempre consciente de suas ações cumprindo seu objetivo para cada aula. Surpreendendo a muitos, ele mantem um bom número de alunos com freqüência tendo a aprovação dos mesmos. Para este profissional da dança de salão, ética vai além de respeitar as diferenças e sim na responsabilidade de fazer valer um compromisso assumido e de realmente ensinar.

Seria de grande valor se na dança existissem somente professores neste perfil dois profissionais citados no texto, mas infelizmente, o mercado está carregado de maus exemplos, onde eu Mary Santana fui Vítima de ser humilhada por obter certa dificuldade em alguns ritmos; fico muito triste em saber que este professor ainda atua levando o nome de profissional de dança.
Hoje sou professora formada, graduada em Danças de Salão Teoria e técnicas; atuo com crianças em uma escola do ensino público com a dança de salão e a dança educação (criativa).
 
 Agradeço ao Cristóvão Christianis com quem aprendi muito e principalmente ao meu mestre Kelson Costa que sempre acreditou em minha capacidade, me preparando para ser uma profissional da Dança de Salão, tenho nele um exemplo de postura e ética a seguir sem medo ,acreditando muito em um Brasil melhor.
 
 
 


Tempo de carregamento:0,04