Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







Arlete Meggiolaro






Reflexo Eterno


Reflexo Eterno
 
Sobre as telhas do solarengo
espalhando dengo
a garça régia,
como vigilante sentinela da virtude,
exibe soberba formosura e graça.
 
 
Abastece-me de encanto misterioso,
do amoroso amplia os sentidos
de desmedidos anseios.
 
 
Enche meus cântaros da Cantareira,
fixa na parede deste solar que me abriga,
com a soada musical
de o ter.
 
 
Graça branca cheia de graça,
sobrevoe por minhas virtudes
pouse na orla deste diáfano lago,
e para esta mortal ávida,
pesque a dádiva
de nutrir meu reflexo eterno
no ente de quem mais quero.
 
 
© Arlete Meggiolaro
Extraído do livro Orvalho D’Alma.

Editado pela Editora PROTEXTO

**
*

Tempo de carregamento:0,04