Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha







ANNE DICKSON






O CHINELO DO POETA


O CHINELO DO POETA
( Anne Lieri)
 
 
Aquele velho chinelo
Viu o poeta escrever,
Poesias como um novelo,
Delicadas a tecer!
 
 
Chegava em casa cansado
Da dura realidade!
Calçava o chinelo alado
Voava na humanidade!
 
 
Eram poesias vazias,
Ou cheias de sentimentos!
O chinelo tudo via
Navegava nos momentos!
 
 
E o poeta transformava
O deserto do coração,
Em oásis que abraçava
Sonhos de plena emoção!
 
 
Até o dia que partiu
Deixando ali na escrivaninha,
Poesias que ninguém viu
Mas o chinelo sabia!


Tempo de carregamento:0,04